Categorias
Mercado

Bitcoin sofre a maior queda diária em dólares já registrada

O preço do bitcoin atingiu a marca histórica de US $ 42.000 em 8 de janeiro e, em seguida, passou por uma correção brusca na segunda-feira. Hoje, a criptomoeda caiu mais de US $ 9.000 em apenas 24 horas, configurando a maior desvalorização diária do dólar já registrada.

O ativo digital valia $ 39.845 no domingo, como aponta o índice Coindesk. Na segunda-feira, a criptomoeda atingiu sua baixa de $ 30.305, registrando a maior queda diária da história, de $ 9.540. A moeda digital recuperou seu fôlego desde então.

Queda repentina no preço do bitcoin já ocorreu

Dmitrii Ushakov, diretor comercial da BitRiver, uma empresa de equipamentos de mineração de criptomoedas, disse ao Decrypt que “essa queda no preço não deve parecer incomum para quem vem acompanhando o mercado desde o boom de 2017”. Entre 9 e 13 de novembro de 2017, o bitcoin caiu cerca de 20%.

Esse tipo de correção é esperado após vários dias de alta. Tanto os investidores institucionais quanto os de varejo veem a oportunidade de vender conforme os recordes de preços são quebrados, enquanto mais compradores entram no mercado, atraídos pelo boom e especulação.

Depois da alta histórica de sexta-feira de $ 41.962, o preço da criptomoeda teve pequenas variações e caiu drasticamente na segunda-feira, já que a maioria dos corretores não opera no fim de semana. No entanto, em apenas duas horas, das 13h às 15h de hoje, o bitcoin se valorizou em mais de US $ 3.000, indicando que os investidores viram a oportunidade de comprar o ativo novamente quando ele atingiu seu mínimo.

Bank of America alerta que bitcoin pode ser bolha

O estrategista-chefe de investimentos do Bank of America, Michael Hartnett, disse em um relatório que o bitcoin pode ser “a pior de todas as bolhas”. Ele ressalta que um aumento de cerca de 1.000% em um período de dois anos é muito maior do que a maioria dos ativos que também passaram por avaliações drásticas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *